Passadiços de Aveiro – O que esperar, e como ir

Os Passadiços de Aveiro, também chamados de Passadiços da Ria de Aveiro ou por vezes Passadiços de Esmoriz são uma das formas mais agradáveis de se visitar a belíssima Ria de Aveiro.

Os passadiços de Aveiro fazem parte de um projecto maior, a “Via Ecológica Ciclável” que tem 2 percursos com um total de 48 km:

  • Entre Estarreja – Albergaria-a-Velha – Aveiro, com 23 km (onde ficam estes passadiços)
  • Entre Vagos e Mira com 25 km (também já tínhamos falado de uma parte deste percurso quando fizemos o PR5 -Mira;

No total o caminho a que normalmente se chama de passadiços de Aveiro tem pouco mais de 7km, e ligam Aveiro (Cais de São Roque) até ao Rio Novo do Príncipe em Vilarinho, Cacia. No entanto temos de dividir este percurso em duas partes completamente diferentes. Nos 2 km iniciais entre Aveiro e o Cais da Esgueira, o percurso é sobretudo urbano, e na nossa opinião nem sequer deveria fazer parte dos “passadiços de Aveiro”, pois não há passadiços nesta parte do percurso. Além de que não é especialmente bonito e muito menos interessante.

Assim, os reais passadiços começam no Cais de Esgueira e terminam na ponte caída em Vilarinho, e é este o percurso de que aqui vamos falar. São cerca de 5km (10km ida e volta) em que se pode apreciar a ria, algumas embarcações, os bosques envolventes, as aves, entre outras coisas.

Passadiços de Aveiro - O que esperar, e como ir

Passadiços de Aveiro – informação geral

  • Nome: Passadiços de Aveiro;
  • Inicio – Cais de Esgueira;
  • Fim – Ponte caída em Vilarinho, junto ao Rio Vouga;
  • Distância– 5km (10km ida e volta) se quiser começar em Aveiro serão 7km (14 ida e volta);
  • Tempo necessário – 3 horas ida e volta, sem pressas;
  • Dificuldade – Nenhuma;
  • Máx/min altitude: Plano, e sempre ao nível do mar;
  • Ganho de altitude: nenhum;
  • Tipo – linear, tanto pode começar no Cais de Esgueira como em Vilarinho;
  • Sinalização (1-5) – 5, bem sinalizado e muito fácil de seguir;
  • Destaques: Ria de Aveiro;
  • Ciclável: Sim, é perfeito para se fazer de bicicleta;
  • Preço: Grátis;
Passadiços de Aveiro - informação geral

Nossa experiência nos Passadiços de Aveiro

O percurso dos passadiços de Aveiro que nós aconselhamos e o que costumamos fazer é o que vai do Cais de Esgueira à Ponte Caída no Rio Vouga, ou vice-versa. Por isso mesmo é o que vamos aqui descrever. Tal como já dissemos é possível começar em Aveiro, junto ao Cais de São Roque, mas são mais 2km junto a estradas, por baixo de auto estradas, e em que pouco ou nada se acrescenta. A pé é especialmente desagradável, de bicicleta diria que é menos mau.

Tanto no Cais de Esgueira como na ponte caída existem bastantes lugares de estacionamento, pelo que não terá problemas em estacionar. Começando no Cais de Esgueira, o percurso inicia-se logo em passadiços, com a Ria sempre do lado esquerdo. Mesmo junto ao Cais existe um poste de observação de aves, mas como habitualmente está bastante sujo e infelizmente é usado para… outras actividades.

Como fazer os Passadiços de Aveiro
Inicio dos passadiços- Cais de Esgueira

Normalmente nesta secção dos artigos de trilhos e passadiços fazemos uma breve descrição do percurso, mas a verdade é que neste caso não é necessário pois é muito simples. É só seguir em frente em 95% dos passadiços, e nas muito poucas situações em que terá de escolher a direcção está bem indicado e é sempre bastante óbvio pois terá sempre de caminhar ao longo da ria. Na direcção Esgueira-Ponte caída terá a ria de Aveiro à sua esquerda, na direcção oposta terá à sua direita.

Ao chegar à ponte caída também é bastante claro que lá chegou pois terá o rio Vouga à sua frente, e não tem forma de o atravessar. Vai ver um pequeno cais e uma ponte… caída. Se ainda quiser continuar a caminhar, o caminho continua marcado ao longo do rio Vouga em direcção a Cacia, mas agora sem passadiços. Tal como dissemos em cima, estes passadiços da ria de Aveiro fazem parte de um percurso maior que vai até Estarreja.

Caminhar os passadiços de Aveiro
Paissagem da Ria de Aveiro

Durante este percurso vai andar entre passadiços e caminhos florestais, onde é possível observar a beleza da Ria de Aveiro e de todo o seu ecossistema e a biodiversidade que ali habita. Alguns dos animais que pode tentar identificar são pernas-longas, garças, flamingos, andorinhas do mar e até a águia-sapeira. Além da Ria em si, aprecie também a beleza dos bosques, sapais e pinhais por onde vai passar.

Notem que apesar de bastante bonito, e sem dúvida um lugar único em Portugal, a paisagem é sempre muito homogénea, o que para algumas pessoas se pode tornar monótona. Por outro lado, a subida e descida das águas da Ria de Aveiro faz com que a experiência seja bastante diferente consoante as marés. Nunca nos aconteceu, mas já lemos relatos de que por vezes as águas inundem os passadiços.

tudo que deve saber sobre o passadiços de Aveiro
Fim do trilho- Ponte caída em Vilarinho, junto ao Rio Vouga

Passadiços de Aveiro de bicicleta

Por ser completamente plano, ciclável e com paisagens bastante semelhantes, achamos que este é um percurso ideal para se fazer de bicicleta, muito especialmente se quiser fazer mais do que os 5km (10 ida e volta) que recomendamos. Para quem gosta de andar de bicicleta mas não aprecia subidas, este é de facto o percurso perfeito!

Apenas não se esqueçam que o trilho é partilhado com peões e por tenham algum cuidado a cruzar com caminhantes e especialmente grupos maiores. Um acidente é completamente escusado para todos.

Passadiços de Aveiro de bicicleta
Os passadiços de Aveiro podem ser feitos de bicicleta

Melhor altura do ano para fazer o trilho

Desde que não chova qualquer altura do ano é boa para se fazer os passadiços de Aveiro. No entanto, nos dias quentes de Verão note que existem longos períodos sem sombra o que tornará a experiência bem menos agradável. Assim, se fizer num dia muito quente, faça ao final do dia.

Quem pode fazer os passadiços de Aveiro?

O percurso é completamente plano, e é perfeitamente possível de ser feito com crianças de qualquer idade, com idosos e até com cadeiras de rodas e cadeiras de crianças. Apenas precisa de ter alguma atenção pois os passadiços são partilhados com bicicletas.

Este é um trilho para literalmente toda a família, e na nossa opinião essa é uma das suas maiores qualidades. Fazer os 10km pode ser duro para algumas pessoas, mas o facto de ser um percurso linear significa que pode voltar para trás quando quiser.

Quem pode fazer os passadiços de Aveiro
O trilho e os passadiços são acessíveis para cadeiras de rodas

O que levar?

Dada a ausência de dificuldade técnica, de qualquer tipo de inclinação e até de ser fácil de controlar o esforço físico, não precisa de levar nada em especial para percorrer os passadiços da Ria de Aveiro.

  • Água, especialmente importante se for num dia quente;
  • Snacks leves;
  • Calçado e roupa confortável;
  • Óculos de sol, chapéu e protector solar no verão;
  • Câmara e telemóvel, pois existem muitas oportunidades para tirar belas fotos.
  • Mochila pequena para levar tudo isto;

Como sempre, por favor não faça lixo. Traga tudo o que levar consigo.

como fazer o trilho dos passadiços de Aveiro
Carangueijo na Ria de Aveiro

Como chegar ao trilho?

Pode iniciar a caminhada pelos passadiços de Aveiro nos 3 locais já referidos, Cais de S. Roque em Aveiro, Cais de Esgueira, ponte caída em Vilarinho, Cacia. Notem que o Cais de S. Roque fica a menos de 1km da estação de Comboio, pelo que se quiser usar transportes públicos é o ponto ideal para se começar.

Aconselhamos que inicie o trilho no Cais de Esgueira, pois tem estacionamento fácil, e é bem simples de lá chegar. Se marcar no Google maps, vai lá direitinho a partir da autoestrada.

Como chegar aos passadiços de Aveiro
Passadiços de Aveiro

Onde ficar quando fizer os Passadiços da Ria de Aveiro

A solução de alojamento ideal perto dos passadiços é ficar em Aveiro, pois existe uma grande variedade de opções, e permite usufruir tanto das outras atracções turísticas de cidade como dos seus belos restaurantes, bares e pastelarias. Não temos conhecimento de qualquer alojamento ao longo, ou próximo dos passadiços.

Veja em baixo o mapa com os melhores lugares para ficar em Aveiro:

Booking.com

Se gosta de caminhadas veja em baixo algumas das nossas outras sugestões:

Pin

Como fazer os passadiços de Aveiro

Sharing is caring!

So glad to see you are interested in Portugal

Want to be the first one to receive the new Portugal stuff?

Enter your email address below and we'll send you the goodies straight to your inbox.

Thank You For Subscribing

This means the world to us!

Spamming is not included! Pinky promise.