11 Miradouros do Gerês a não perder

Uma vez que já escrevemos sobre as mais típicas aldeias do Gerês, a melhores cascatas, vários trilhos, e os melhores lugares para ficar no Gerês, estava a faltar falar dos espetaculares miradouros do Gerês! Uma região com as características do Gerês tem obrigatoriamente de apresentar alguns dos melhores miradouros do país e lugares de uma beleza extraordinária.

11 Melhores Miradouros do Gerês

Miradouro da Pedra Bela

O miradouro da Pedra Bela é um dos mais conhecidos e populares do Parque Nacional Peneda-Gerês. Localizado a 829 metros de altitude, no concelho de Terras do Bouro é incrivelmente popular devido às vistas fabulosas para o vale do rio Gerês, a aldeia do Gerês e para a albufeira da barragem da caniçada.

Tal como dissemos este miradouro é muito popular, pelo que se puder vá durante a semana ou fora da época de Verão. Durante o a época alta é normal concentrarem-se aqui bastantes pessoas.

Chegar ao miradouro é bastante fácil, podendo ir de carro até bem perto. Lá existe um parque de estacionamento relativamente grande e até mesas para se fazer piquenique. O acesso ao Miradouro da Pedra Bela é feito em escadas escavadas nas rochas. Apesar de haverem algumas barreiras de segurança, aconselhamos que tenha algum cuidado, especialmente se estiver com crianças.

Localização GPS: 41°42’57.4″N 8°09’11.4″W – está marcado no google maps.

Miradouros do Gerês a não perder
Um dos miradouros do Gerês mais conhecidos – O miradouro da Pedra Bela

Miradouro de Fafião

O miradouro de Fafião é um dos mais recentes do Parque Nacional, e rapidamente se tornou num dos nossos favoritos. Situado no topo da Aldeia de Fafião, freguesia de Cabril, Montalegre, este Miradouro apresenta-nos vistas sobre fantásticas para o vale do rio Arado, o rio Fafião e ao fundo a barragem de Salamonde. É também um bom local para se apreciar o outro grande ponto de interesse da aldeia, o Fojo do Lobo de Fafião.

Construido no topo de uma enorme rocha granítica, e com acesso através de uma ponte pedonal, este não é um miradouro para quem tem medo de alturas. No entanto, é perfeitamente seguro, e pode ser visitado mesmo com crianças, desde que se tenha os cuidados mínimos.

O acesso ao miradouro faz-se pela aldeia de Fafião. Pode deixar lá o carro e caminhar até ao miradouro. Está bem sinalizado, não terá problemas em encontrar. Existe também a possibilidade de levar o carro até mais perto através de uma pequena estrada em terra, mas se não tiver problemas de mobilidade, aconselhamos que aproveite e faça a pequena caminhada.

Localização GPS: 41°42’22.6″N 8°05’22.0″W – marcado no google maps

Miradouros famosos no Gerês
Bonito Miradouro de Fafião no Gerês

Miradouro de Tibo

O Miradouro de Tibo é talvez o mais acessível de todos desta lista pois fica mesmo ao lado da estrada M202 entre Tibo e Adrão, no Concelho de Arcos de Valdevez. Assim, é perfeitamente possível lá estacionar e qualquer pessoa (desde crianças a idosos e pessoas com menos mobilidade) podem usufruir deste local.

Talvez pelo acesso ser tão fácil este miradouro é muitas vezes esquecido ou menosprezado, mas a verdade é que oferece uma vista grandiosa para o vale e serra da Peneda e para o vale do Laboreiro.

Com quase 800 metros de altitude, este miradouro permite-nos ainda ver a albufeira do Alto Lindoso ao fundo e para o outro lado conseguimos ainda ver o santuário da Peneda. É realmente uma autêntica varanda para toda esta zona do Parque Nacional da Peneda Gerês.

Localização GPS: 41°55’41.1″N 8°14’14.6″W – marcado no google maps.

Miradouros do Gerês a não perder
Miradouros do PNPGeres a não perder: Miradouro do Tibo – com vista para o vale e serra da Peneda e para o vale do Laboreiro

Miradouro do Castelo de Castro Laboreiro

O Castelo de Castro Laboreiro é muito mais do que apenas um miradouro, é um dos mais conhecidos e mais impressionantes monumentos do Parque Nacional da Peneda Gerês mas funciona também como um magnífico miradouro.

O Castelo de Castro Laboreiro fica já uns 500 metros fora da aldeia. Para lá ir deve seguir a estrada M1160 em direção à aldeia de Pontes. Quando vir a indicação do castelo, tem de estacionar o carro e fazer o resto a pé. Apesar de perto, é uma caminhada durinha pois sobe bastante.

Seja como for, desde que não tenha problemas de mobilidade não terá problemas em chegar lá cima. Do alto do Castelo estamos a 1033 metros de altitude e deste ponto estratégico podemos ver a aldeia de Castro Laboreiro, umas das mais bonitas aldeias do Gerês, bem como as serras e vales circundantes.

Localização GPS: 42°01’21.9″N 8°09’27.0″W – o miradouro não está marcado, mas está marcado o Castelo.

Miradouros conhecidos no Gerês
Miradouro do Castelo de Castro Laboreiro com vista da aldeia de Castro Laboreiro

Miradouro das Rocas

Localizado entre a aldeia da Ermida e a Pedra Bela, o Miradouro das Rocas fica a cerca de 800 metros de altitude e dali temos uma vista panorâmica de 360º. De lá de cima, temos uma visão panorâmica para a os cumes da serra do Gerês, para o rio Arado e a sua bonita ponte de pedra. É também um lugar onde se pode ser algumas das imensas florestas desta zona do Parque Nacional.

O acesso ao miradouro não é fácil pois fica no topo de um aglomerado granítico quase como se fosse uma torre ou um castelo. Para lá chegar temos de deixar o carro no início da estrada em terra batida que dá acesso à Cascata do Arado.

A partir daí está indicado, temos de seguir as setas e subir por um caminho inclinado até chegar ao topo do afloramento granítico. Apesar de ser uma subida dura, não é particularmente difícil e tem até alguns corrimões para ajudar a subida em segurança. Apenas é necessário ter cuidado se estiver húmido.

Localização GPS: 41°42’58.0″N 8°07’45.9″W – está marcado no google maps

Miradouros bonitos do Gerês
Vista da Cascata do Arado do Miradouro das Rocas

Miradouro da Ermida

Relativamente perto do miradouro das Rocas temos o Miradouro da Ermida, que tal como o nome indica fica na Aldeia da Ermida. O acesso é fácil pois fica dentro da aldeia e junto à estrada que por lá passa. Tem um pequeno parque onde pode estacionar o carro. Ir ao Miradouro propriamente dito, implica algumas escadas, mas é possível ter uma boa vista mesmo junto da estrada.

Apesar de situado a “apenas” 550 metros de altitude, daqui vê-se o rio Lima ao fundo e há até quem dia que se vê o mar. Nós nunca conseguimos, apesar de ser um local de paragem obrigatória sempre que passamos na Ermida. Se é lenda ou realidade não sabemos, mas sugerimos que tente quando lá for.

Apesar de tudo, o ponto alto deste miradouro são os socalcos que envolvem a aldeia da Ermida. Apesar de não serem tão conhecidos, nem tão espetaculares, como os do Sistelo, valem bem a pena a paragem e acrescentam muito valor à paisagem rural da aldeia.

Localização GPS: 41°42’08.4″N 8°07’44.2″W – está marcado no google maps

Miradouro da Preguiça

Localizado junto à casa florestal da Preguiça, este miradouro é outro dos miradouros desta lista que fica mesmo junto à estrada. Para lá chegar basta apanhar a N308-1 que vai desde o Gerês até à portela do Homem Espanha. É fácil de identificar pois fica a poucos metros da Casa florestal da Preguiça.

Da estrada até ao miradouro são apenas algumas dezenas de metros e escadas. Apesar de perto, as escadas e o terreno rochoso impede o acesso a cadeiras de rodas e pessoas com mobilidade reduzida. Todos os outros podem usufruir das vistas facilmente.

Neste miradouro podemos ver o fabuloso vale do rio Gerês, a vila do Gerês e a albufeira da Caniçada ao fundo. Apesar de não ser tão alto como outros desta lista, o local central e o aspeto retilíneo do vale permite um ângulo diferente e fotos espetaculares.

O miradouro da Preguiça marca também o inicio e fim do trilho da preguiça que nos leva até à mata da preguiça e às cascatas da Laja e de Leonte. Não é um trilho longo nem muito difícil, por isso fica a sugestão para quem tiver algumas horas. Veja toda a informação aqui.

Coordenadas GPS – 41°45’04.1″N 8°09’11.0″W – está marcado no Google Maps

Miradouros que tem que visitar no Gerês
Vale do rio Gerês, a vila do Gerês e a albufeira da Caniçada ao fundo do Miradouro da Preguiça

Miradouro da Junceda

Localizado perto da casa do guarda da Junceda, o miradouro da Junceda está a cerca de 915 metros de altura e oferece vistas incríveis sobre o vale do rio Gerês (incluindo os topos das montanhas, como o pé de Cabril e o Borrageiro), o vale de falha do Gerês, e com a albufeira da Caniçada ao fundo.

Este é um dos três miradouros desta lista que faz parte do trilho dos Miradouros – PR6, mas para lá ir não tem que fazer este espetacular, mas duro trilho. A forma mais fácil de ir à Junceda é de carro – a partir da estrada que liga a vila do Gerês ao Campo Gerês há uma saída à direita sinalizada com Junceda. São apenas 3 km, mas é em terra batida.

Se não tiver problemas em levar o carro até à casa e Miradouro, o acesso é fácil e possível a toda a gente, incluindo crianças e idosos. Caso contrário, a caminhada é longa, e se quiser fazer o trilho dos miradouros é mesmo bastante difícil.

Coordenadas GPS – 41°44’32.1″N 8°10’05.2″W – está marcado no Google Maps

Princípais miradouros do Gerês
Miradouro da Junceda com zona de piquenique, um dos mais bonitos miradouros do Gerês

Miradouro da Boneca

O Miradouro da Boneca é o segundo da nossa lista cujo acesso se faz pelo trilho dos Miradouros. Apesar de ficar ficar um pouco mais abaixo a 750 metros de altitude, temos bonita uma perspetiva que vai desde a portela de Leonte até às pontes de rio Caldo na Caniçada.

Caso não queira fazer o trilho dos Miradouros, é possível aceder à Boneca por um estradão em terra com cerca de 1.5km, desde um entroncamento na estrada M533 que vai da Vila do Campo Gerês. O Acesso à Boneca é mais difícil que à Junceda ou fraga negra que falamos em baixo.

Coordenadas GPS – 41°43’40.4″N 8°10’15.3″W – está marcado no Google Maps

Vista espetacular da albufeira da Caniçada do Miradouro da Boneca

Miradouro da Fraga Negra

Situado a apenas 575 metros de altitude, o Miradouro da Fraga Negra é o terceiro e o mais baixo dos miradouros na margem oeste do rio Gerês. A vista é semelhante à dos anteriores mas com menor abrangência e maior proximidade o que facilita a vista aos pormenores.

O acesso a este miradouro faz-se também pela estrada M533, sendo acessível com uma caminhada de cerca de 500 metros, sempre a subir. A Caminhada não é difícil mas no final temos umas escadas, que pode impedir o acesso a algumas pessoas de mobilidade reduzida. De resto é acessível a todas as outras pessoas.

Coordenadas GPS – 41°43’37.8″N 8°10’04.4″W – está marcado no Google Maps

Miradouros do Gerês a não perder
Miradouro da Fraga Negra – Miradouros bonitos do Gerês

Miradouro da Cascata de Pitões de Júnias

Este Miradouro fica numa zona completamente diferente do Parque Nacional, em Pitões das Júnias, Montalegre. Tal como o nome indica a principal atração do Miradouro é a Cascata de Pitões de Júnias, uma das mais bonitas cascatas do Gerês.

A Cascata de Pitões das Júnias tem cerca de 30 metros de altura e cai num pequeno lago de afloramentos graníticos. O Ribeiro de Pitões não é muito grande, mas em dias de elevado caudal torna-se uma cascata fascinante, pelo que aconselhamos a visita durante época da chuva. Durante o verão, o caudal é normalmente pequeno e menos impressionante.

O acesso ao miradouro é fácil mas apenas possível a pessoas sem problemas de mobilidade pois inclui subir e descer cerca de 250 escadas em passadiços com comprimento de cerca de 500 metros. O acesso aos passadiços faz-se junto à aldeia de Pitões de Júnias. Está bem indicado e ter parque de estacionamento.

Coordenadas GPS – 41°49’47.9″N 7°56’57.5″W – marcado no google maps

Miradouros do Gerês
Vista da cascata de Pitões de Júnias, com muita pouca água, do miradouro

Sharing is caring!

So glad to see you are interested in Portugal

Want to be the first one to receive the new Portugal stuff?

Enter your email address below and we'll send you the goodies straight to your inbox.

Thank You For Subscribing

This means the world to us!

Spamming is not included! Pinky promise.